Praticando uma engenharia mais segura: análise de risco em empresas

Autor/Organizador: Francisca Costa; Mário Barraza; Vandeni Kunz (Orgs.).

Práticas e conselhos sobre engenharia segura

Baixar em PDF

  • Comparativo ergonômico entre os postos de trabalho: serigrafia rotocolor e design em impressão digital;
  • A ergonomia e suas vertentes;
  • Gerenciamento de riscos nos transportes  rodoviários de produtos perigosos;
  • Análise postural dos profissionais de aph do samu através do software winowas;
  • Formação continuada para cipeiros como alternativa  aos comitês de ergonomia: estudo de caso;
  • Análise postural dos profissionais montadores de produtos externos em supermercados;
  • Riscos no armazenamento de embalagens de agrotóxicos;
  • Estudo ergonômico: setor administrativo; Análise de risco em ambiente hospitalar;
  • O engenheiro de segurança do trabalho na análise de riscos de empreendimentos;
  • Espaço confinado: riscos e prevenção;
  • A análise de riscos em empreendimentos: levantamento na instituição de ensino Unasp – EC;
  • Análise de riscos em empreendimentos;
  • Nr12 – classificação de riscos industriais;
  • Identificação e controle de riscos na prática do trabalho em altura;
  • As vantagens da análise de riscos;
  • A importância dos serviços especializados em engenharia de segurança e em medicina do trabalho – sesmt na indústria da construção civil;
  • Regularização de imóveis junto ao corpo de bombeiros do estado de são paulo;
  • Metodologia da análise preliminar de riscos (apr) aplicada a nr-20;
  • Ergonomia do trabalho utilizaçao de balancim em ferramentas pneumáticas;
  • Importância da nr 18 item 28 e as consequencias  do não cumprimento desta norma;
  • Implantando uma ergonomia viável;
  • Economize 70% de energia e receba um bônus mortal;
  •  Os agrotóxicos e a segurança da saúde;
  • Importância da segurança e ambiente adequado para o trabalhador em canteiros de obra;
  • Segurança e saúde dos catadores de materiais recicláveis;
  • Segurança e proteções em estrutura de concreto;
  • Análise de riscos na atividade do corte de cana de açúcar;
  • Comunicação de acidentes;
  • Fator acidentário previdenciário– fap e nexo técnico  epidemiológico previdenciário- ntep.

ISBN Assunto Páginas Edição Ano
978-85-89504-95-9 Engenharia Cívil, Série Pós-Graduação 370 1 2017